Rate this post

Um técnico ou algum conhecido te recomendou usar um extensor HDMI, mas você não sabe o que é? Não tem problema, neste artigo você terá as respostas para todas as suas dúvidas!

Antes de entender sobre o extensor, é necessário entender as limitações do HDMI que fazem este cabo extensor ser necessário em alguns casos. Por isso, vamos iniciar o nosso artigo respondendo a seguinte questão:

Quais as limitações do cabo HDMI?

Para começar, a distância que é possível usar o HDMI comum é uma limitação, visto que de forma padrão o tamanho máximo é de 20m de comprimento, mas mesmo para esse tamanho já há uma série de outras limitações, pois, para que o conteúdo seja transmitido a essa distância se faz necessário ter um sinal de 1080p, com conexão que tem seu sinal direto, ou seja, que não passa por outros equipamentos. Além disso, devido ao formato do cabo HDMI, que é achatado em sua ponta, não há a possibilidade de ser passado por tubulações para fins estéticos ou de organização. Sendo assim, em casos em que é necessário fazer uma instalação maior ou com fios escondidos dessa forma, ter um extensor facilita muito o trabalho e deixa o ambiente mais agradável, assim como a sua experiência.

O que é um Extensor HDMI e para que serve?

Um extensor HDMI é um equipamento que permite a conexão de aparelhos que estão distantes, sendo assim, sua função é ampliar o sinal de áudio e vídeo para estes aparelhos, algo que o HDMI não consegue fazer. Desse modo, o alcance pode chegar a até 150 metros, dependendo do extensor que for utilizado.
Dito isto, faz-se necessário explicar um pouco mais sobre os diferentes tipos de extensor HDMI. Adquirindo um extensor, toda a vida se torna mais fácil, não haverá problemas com sinal, estética e nem terá que rearranjar os equipamentos para que o cabo HDMI alcance. Um verdadeiro facilitador de vidas!

Os tipos de Extensor de HDMI

Começando essa pequena lista com o Extensor HDMI de Fibra Óptica.

Este tipo de extensor é capaz de transformar o sinal HDMI para ser enviado via fibra óptica, sendo assim ele consegue atingir um alcance de até 100 metros de distância. Outro ponto muito interessante é que com isso, consegue suportar resoluções altíssimas, como o 4K sem perder nada na qualidade da imagem. Por fim, é um extensor muito resistente, mais do que os HDMI convencionais.

Extensor HDMI Wireless

A tecnologia sem fio está presente por toda a parte, por isso não poderia ser diferente no caso dos extensores, afinal, que jeito melhor de alcançar distância maiores, se não for através da tecnologia sem fio, não é mesmo?!
No entanto, esta tecnologia também possui suas limitações, mas ainda consegue superar o HDMI convencional, isso porque é capaz de alcançar e transmitir sinais em uma distância de até 30 metros sem precisar de um fio. Além disso, ainda permite exibir imagens 3D com resolução em Full HD, podendo trocar a sintonização dos dispositivos via controle remoto. Tudo o que há de mais tecnológico e facilitador que você possa ter na sua vida!

Extensor HDMI via Internet Protocol (IP)

É um extensor que faz com que os sinais de áudio e vídeo sejam direcionados e encaminhados para vários monitores e projetores através da rede cabeada local. Por essa possibilidade e facilidade, este tipo de extensor é mais indicado para lugares maiores e que precisam fazer conexões muito distantes e em vários lugares. Diferente dos outros tipos, este opera de três formas diferentes: ponto a ponto, splitter e matrix, assim, de acordo com as suas necessidades, é possível escolher o Extensor HDMI via IP que melhor irá responder às suas vontades.

Extensor HDMI HDBaseT

O extensor mais multifuncional desta lista, isso porque ele consegue se adaptar a diferentes distâncias, por exemplo, se precisar direcionar o sinal em uma distância de até 120 metros, então é possível fazê-lo com uma resolução 4K; se a distância for maior, ou seja, de 121 metros a 150 metros, então ele consegue enviar sinais de imagens em 3D e 1080p.
Com a grande diversidade deste produto no mercado, há extensores deste tipo que conseguem transmitir até cinco sinais de modo simultâneo, sendo eles de áudio, suportando modelos como DTS, Dolby TrueHD, Dolby Digital entre outros; vídeo, que dá suporte para qualidade Full HD, 3D, 4K; alimentação, que juntamente com seu fornecimento de diferentes sinais, ainda consegue fornecer mais 100W de potência de corrente contínua; control, podendo ser via infravermelho, por exemplo, e, por último, a internet, este tipo de extensor é capaz de suportar até 1000 MB, facilitando a comunicação dos aparelhos do seu sistema de som e para a sua vida também, já que é possível acessar sistemas como o de streaming.

Sabendo de todas essas informações agora é fácil, basta analisar a sua situação e verificar qual dos extensores irá suprir melhor as suas necessidades e colocá-lo em sua lista de equipamentos necessários para um bom sistema de som.

Gostou da nossa explicação? Tem alguma dúvida ou sugestão? Deixe nos comentários, assim podemos sempre melhorar o nosso conteúdo.

Ah, e se quiser falar com nossa equipe de vendas, pode mandar uma mensagem direto no WhatsApp da SoFast

Marcações:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.